Quatis ganhou um reforço financeiro extra para o enfrentamento do Covid-19 no município. Já está depositado na conta do município o repasse do Governo do Estado, feito através da Secretaria Estadual de Saúde, no valor de R$ 1 milhão, para auxiliar nas ações de combate a pandemia do novo coronavírus. O recurso, é resultado de um projeto aprovado pela Alerj no mês passado, que destinou um total de R$ 100 milhões a serem distribuídos aos 92 municípios do Estado.

Antes da aplicação da verba, o prefeito Bruno de Souza (MDB) encaminhou nesta quinta-feira, dia 16, um projeto de lei para ser votado pela Câmara de Vereadores onde altera a Lei Orçamentária Anual (LOA), autorizando a abertura de crédito adicional especial para ações de combate ao vírus.

– Esse projeto de lei encaminhado ao legislativo se faz necessário e tem o objetivo de trazer total transparência dos atos da administração pública municipal na utilização desse recurso para o enfrentamento do Covid-19 – esclarece Bruno.

De acordo com o prefeito, o recurso será utilizado para custear a criação de um Centro de Triagem para o Covid-19 e também as despesas nas unidades de saúde do município visando melhorar o atendimento à população durante a pandemia.

Bruno enfatiza que o recurso será importante para o custeio das ações de combate ao Covid-19 – Créditos PMQ

Ao parabenizar a Alerj pela elaboração e aprovação do projeto repassando os R$ 100 milhões aos municípios, o prefeito destacou a grave situação de saúde pública que cidades como Rio de Janeiro, Niterói, Volta Redonda entre outras do Estado estão enfrentando. Apesar de Quatis ter apenas três casos confirmados e nenhuma morte até o momento, ele reforça a importância de se manter os cuidados preventivos como o distanciamento social e higiene pessoal.

– Esse recurso extra será de fundamental importância para o desenvolvimento de nossos serviços e ações de saúde dentro do município no enfrentamento ao coronavírus. Quero também parabenizar o governador Wilson Witzel, o vice-governador Cláudio Castro e ao secretário de Saúde, Edmar Santos pelo rápido desprendimento para liberar o repasse – afirmou Bruno.

 

Comentários do Facebook

Comments are closed.