Funcionalismo: salários em dia e gastos abaixo do limite da lei

 A liberação dos salários
do funcionalismo municipal referentes ao mês de maio nesta quarta-feira, 07 de
junho, é um dos resultados positivos alcançados pelas medidas de contenção de gastos
adotadas pela Prefeitura de Quatis, além de demonstrar novamente o nosso
comprometimento com os servidores.

 A afirmação foi feita hoje, pelo prefeito
Bruno de Souza (PMDB), que reafirmou o pagamento dos servidores públicos dentro
do prazo constitucional (até o quinto dia útil do mês seguinte) como uma das
prioridades do seu governo. Nos primeiros quatro meses do ano, o percentual das
despesas relacionadas à folha de pagamento dos funcionários, incluindo os
encargos sociais, ficou abaixo do índice máximo estabelecido pela Lei de
Responsabilidade Fiscal.

 Segundo Bruno de Souza, de janeiro a abril de 2017, os recursos financeiros destinados aos
salários do funcionalismo representaram 47,18 por cento dos gastos da
administração municipal.
A Lei de Responsabilidade Fiscal estabelece os
índices máximos de 51,30 por cento (limite prudencial) e 54 por cento (limite
máximo). Além disso, a prefeitura está em dia com os repasses para o QUATISPREV
(Instituto de Previdência do Funcionalismo do Município).

Para
o prefeito, “o fato de a Prefeitura de Quatis estar conseguindo pagar os
salários dentro do prazo legal também pode ser considerado um resultado da
política de austeridade adotada pelo governo municipal”, desde o seu primeiro
mandato à frente da administração municipal (2013-2016).

Dados
da Secretaria Municipal de Administração, referentes ao mês de maio, mostram
que a prefeitura tem atualmente cerca de 1,2 mil funcionários, entre servidores
efetivos, ocupantes de cargos em comissão e trabalhadores contratados.

        – Com frequência, recebemos notícias pelos meios de
comunicação sobre prefeituras e governos estaduais que se encontram com o
pagamento do funcionalismo atrasado. Em Quatis, apesar de todas as
dificuldades, provocadas pela crise econômica nacional, estamos mantendo os
salários dos nossos servidores em dia – disse Bruno.

        O prefeito lembrou que o decreto determinando várias medidas
para promover o equilíbrio financeiro entre as receitas e as despesas, da
Prefeitura de Quatis, vai vigorar pelo menos até julho. Entre outras medidas
com este objetivo, estão a redução de gastos com combustíveis, energia elétrica
e telefone; do número de viagens para outras cidades a serviço; de pagamento de
horas extras; e diminuição de contratos em pelo menos 25 por cento, além do uso
de veículos oficiais nos fins de semana e feriados apenas nos “casos de
comprovada necessidade”.

        – O
controle nos gastos públicos em nossa administração visa justamente garantir as
condições necessárias para que possamos continuar pagando o nosso funcionalismo
em dia. Agradeço a cada funcionário, e a cada funcionária da Prefeitura de
Quatis, pelo trabalho eficiente e dedicado ao povo da nossa cidade. Nenhum
administrador público consegue realizar obras e serviços numa cidade sem o
funcionalismo, cuja importância ao desenvolvimento do Município é fundamental –
concluiu Bruno de Souza.

Comentários do Facebook

Leave A Comment

mersin escort akdeniz escort altinkum escort kizkalesi escort mezitli escort pozcu escort silifke escort susanoglu escort universiteli escort mersin rus escort mersin sinirsiz escort mersin ucuz escort escort mersin konya bayan escort malatya bayan escort mersin bayan escort Skip to content