Saúde: levantamento aponta quase 22 mil atendimentos em seis unidades médicas

Entre 02 de janeiro e 30 de
abril deste ano, as cinco unidades do Programa Saúde da Família e os dois
postos médicos da zona rural do Município registraram um total de 21.604
atendimentos. A informação é do prefeito Bruno de Souza (PMDB), que destacou os
resultados positivos alcançados pela Prefeitura de Quatis com o objetivo de
garantir os serviços de saúde básica e preventiva para os moradores da cidade.

O
prefeito enfatizou que, “apesar da crise econômica enfrentada por grande parte
das cidades brasileiras, o que diminui o volume dos repasses às prefeituras, a
administração de Quatis vem conseguindo manter em funcionamento as unidades
responsáveis pelo atendimento médico”. Os números foram apresentados também à
população, numa audiência pública promovida recentemente, pela Secretaria
Municipal de Saúde (foto).

O
número de atendimentos registrados no levantamento destacado por Bruno inclui
os procedimentos realizados nas unidades do Programa Saúde da Família dos
bairros Nossa Senhora do Rosário, Mirandópolis, Jardim Independência, Jardim
Pollastri e do posto do programa responsável pela assistência às famílias
residentes na zona rural. Estão computados também no relatório os atendimentos
dos postos ambulatoriais dos distritos de Falcão e São Joaquim.

– O
Programa Saúde da Família oferece consultas e procedimentos dentro das
instalações físicas das unidades, proporcionando ainda o acompanhamento na casa
dos pacientes cadastrados. Os números registrados pelo relatório mostra que
estamos conseguindo oferecer ações importantes na área da saúde preventiva, uma
das prioridades do nosso governo – disse o prefeito, acrescentando que a rede
municipal de saúde conta também com atendimento em unidades especializadas e no
Hospital São Lucas, instituição filantrópica, responsável pelo atendimento de
emergência, e que funciona através de um convênio com a Prefeitura de Quatis.

Entre
outros serviços nas unidades do Programa Saúde da Família no Município, registrados
durante os primeiros quatro meses de 2017, o levantamento divulgado nesta
quarta-feira, pelo prefeito Bruno de Souza, registra 6.604 visitas
domiciliares; 4.325 consultas médicas dentro dos consultórios; 5.879
procedimentos relacionados à aferição da pressão arterial; 676 atividades
educativas visando orientar à população sobre a prevenção contra doenças; e 2.637
atendimentos na área da saúde bucal, incluindo ações educativas. 

Leave A Comment

Skip to content