Prefeitura se reúne com direção da Light e pede providências contra quedas de luz em Quatis

A realização de mutirões permanentes nas áreas urbana e rural de Quatis
para detectar as causas e verificar as soluções das constantes quedas de
energia elétrica em Quatis foi uma das decisões acertadas na manhã desta
segunda-feira, dia 24, no Centro Administrativo do Município, numa reunião entre
o prefeito Bruno de Souza (PMDB) e o gerente regional da Light Serviços de
Eletricidade, Renato Mello. O primeiro mutirão acontecerá no começo de agosto,
pelo Centro da cidade, mas o prefeito já solicitou à empresa que ainda no
próximo mês aconteça uma vistoria nas comunidades. Na foto, o sistema de
iluminação pública do bairro Bondarowsky.

A reunião desta manhã, no gabinete do
prefeito, contou também com as presenças do vice-prefeito, Ralf Teixeira (PSC);
do deputado federal Marcelo Mattos e do vereador Tadeu de Paula, ambos do PHS;
dos secretários municipais Adriano Palma (Governo) e Aparecida Regina dos
Santos (Finanças), além do presidente e do diretor de serviços da Câmara dos
Dirigentes Lojistas de Quatis, Renato Xavier Corradi e Gilmar José Pereira,
respectivamente; Cláudio Mendes, responsável técnico pela concessionária no
Município, e o produtor rural Gilberto Caldas. Marcelo Mattos e Tadeu de Paula
articularam a reunião desta segunda-feira com o prefeito, em razão das
constantes reclamações da população quanto ao sistema de energia elétrica da
cidade.

Segundo o prefeito, com a realização do
mutirão, será possível mapear as possíveis causas do problema em Quatis e
definir imediatamente as medidas que devem ser tomadas para amenizar os
transtornos causados à população. Ele salientou que, no caso dos produtores
rurais, “os prejuízos são muitos, uma vez que devido às quedas de luz ocorrem
prejuízos causados pela perda do leite”. Bruno frisou que possivelmente a
solução para a zona rural será aumentar a capacidade do fornecimento de energia
elétrica, “visto que o número de tanques de refrigeração teve um acréscimo
bastante significativo nos últimos anos”.

O prefeito citou o exemplo de São Joaquim,
onde o aumento da quantidade destes equipamentos de refrigeração cresceu mais
de cem por cento. No que diz respeito à área urbana, o prefeito lembrou os
transtornos aos moradores e aos estabelecimentos comerciais, “pois uma
quantidade expressiva de comerciantes depende da energia elétrica plena para
conservar as suas mercadorias”.

– E hoje em dia podemos imaginar que todo e
qualquer estabelecimento comercial utiliza a informática para o desenvolvimento
das suas atividades, independente de precisar conservar ou não mercadorias. Há
informações também sobre famílias que chegam a ter equipamentos danificados em
razão do problema. Estamos reivindicando providências imediatas à Light. O
Município está à disposição da concessionária no sentido de ajudar no que for
possível para diminuir os problemas, mas pedimos providências em curto prazo
para reduzir os transtornos aos moradores – disse Bruno.

Outra solicitação do prefeito apresentada no
encontro foi o apoio da concessionária visando à elaboração de um projeto
técnico para a modernização do sistema de iluminação pública de Quatis. Bruno
salientou que os investimentos no setor estão entre as prioridades da
administração municipal, e estão estimados em mais de R$ 1 milhão. O prefeito
frisou que pretende concluir o seu mandato, em dezembro de 2020, “com pelo
menos 80 por cento do sistema modernizado, motivo pelo qual as melhorias no
setor estão sendo tratadas como prioridade nos estudos sobre o PPA (Plano
Plurianual)”. O PPA é a peça orçamentária que aponta as prioridades do governo
para os próximos quatro anos.

O gerente regional da Light, Renato Mello,
disse que a parceria com a prefeitura será importante para decidir as soluções
a ser implementadas no sistema de iluminação. Renato classifica como viáveis
novos investimentos no setor, já que a concessionária aumentou em torno de cem
por cento, o orçamento destinado à manutenção das redes de distribuição de luz,
“até porque a melhoria do serviço nas cidades abrangidas pela Light representa
um compromisso da concessionária com a ANEEL (Agência Nacional de Energia
Elétrica”.

– Com os mutirões, vamos ter condições de
verificar a necessidade de substituir transformadores, trocar equipamentos,
pontuar as causas principais e até mesmo aumentar a carga de distribuição onde
for necessário. A gerência regional do vale do paraíba atende Quatis e mais 18
cidades da região. O apoio da prefeitura será importante até mesmo para
facilitar a chegada das nossas equipes nos locais de difícil acesso da zona
rural, por exemplo – disse o gerente da concessionária.

 

Leave A Comment

Skip to content