Prefeitura inicia instalação das câmeras de monitoramento em escolas e creches

Duas escolas e as duas
creches foram as primeiras unidades da rede municipal atendidas com a instalação
das câmeras de monitoramento. Este equipamento de vigilância começou a ser
colocado recentemente e vai atender todas as outras instituições de ensino do
Município. A informação foi divulgada na manhã desta quinta-feira, 02 de maio,
pelo prefeito Bruno de Souza (MDB). O prefeito reafirmou a importância do
sistema de monitoramento para “aumentar as condições de segurança dos
professores, funcionários e alunos”. A medida, segundo ele, beneficiará também
as famílias residentes nas imediações das unidades.

        Maior escola da rede de ensino público da cidade, o CIEP
Municipalizado Marciana Machado De Elias (foto), que se localiza no bairro
Nossa Senhora do Rosário, recebeu em abril a instalação de 12 câmeras de
monitoramento. Já na Escola Municipal Maria Helena Rafael De Elias (Centro), a
prefeitura instalou seis equipamentos. Por sua vez, as creches municipais
professora Adriana Souza Cruz (Santa Bárbara) e professora Conceição Vieira
(Jardim Pollastri) foram atendidas com seis e quatro câmeras, respectivamente. A
instalação das câmeras de vigilância terá continuidade nas outras escolas
municipais de Quatis. Ao todo, o sistema vai ser formado por 72 equipamentos.

        – É importante frisar que o sistema de monitoramento contempla
também as famílias residentes nas proximidades das unidades de ensino do
Município porque na maioria dos casos o alcance dos equipamentos vai além das
limitações das instalações físicas destas instituições. Por isso, entendemos
que a medida vai ter um significado importante na prevenção contra a violência –
declarou o prefeito, acrescentando que a vigilância preventiva nas unidades de
ensino de Quatis é realizada também pela Guarda Municipal, através das rondas
escolares.

        A implantação do sistema de monitoramento das escolas e
creches da cidade representa um investimento total de R$ 54 mil, que inclui a
aquisição não apenas das câmeras, mas também dos acessórios necessários ao
funcionamento do sistema, entre eles, conectores, nobreaks e amplificadores,
além da assistência técnica. As imagens captadas pelos equipamentos vão ser
acompanhadas automaticamente pelas direções dos estabelecimentos de ensino, na
sede da Secretaria Municipal de Educação e pela Guarda Municipal.

        Ao longo da implantação do sistema de monitoramento nas
unidades de ensino, as outras escolas vão ser atendidas com os seguintes totais
de câmeras de vigilância: Escolas municipais Victória dos Prazeres (Jardim
Pollastri), Julieta Sampaio (Centro), Henry Nestlé (São Benedito), Edméa Dulce
de Barros Franco (Jardim Independência) – seis equipamentos, em cada uma destas
instituições; Carlos Campos de Faria (Falcão), Anésia Alves de Oliveira (São
Joaquim), Benta Pereira (Joaquim Leite), e Irmã Elisabete Alves (comunidade
quilombola de Santana) – quatro câmeras em cada. O anexo da Creche Municipal
professora Conceição Vieira (Jardim Pollastri) receberá outras quatro câmeras
de vigilância.   

Leave A Comment

Skip to content