Obras no Loteamento Céu Azul entram em nova fase e ruas começam a receber o asfalto

As obras de pavimentação
do Loteamento Céu Azul, bairro situado na parte alta da cidade, entraram nesta
semana na segunda fase, com a colocação do asfalto (foto) nas ruas da
comunidade. O asfaltamento do Céu Azul representa investimentos da ordem de R$
770 mil em serviços de infraestrutura e está sendo realizado com recursos próprios
do Município, desde dezembro do ano passado. Na etapa inicial foram feitos os
serviços de drenagem e a colocação do meio-fio. A obra era aguardada pelos
moradores há mais de dez anos.

        O prefeito Bruno de Souza (MDB) destacou que a colocação da
rede de águas pluviais conta, além dos bueiros, com cinco galerias maiores para
facilitar o escoamento da água proveniente das chuvas. Segundo ele, “houve a
preocupação da Secretaria Municipal de Obras, Urbanismo e Serviços Públicos em
instalar essas galerias de dimensões mais amplas nas vias mais íngremes do
bairro, no sentido de absorver a grande quantidade de água que desce dos pontos
mais altos do loteamento”. Segundo ainda o prefeito, “o asfaltamento das ruas
do Céu Azul é de qualidade e o trabalho está sendo feito para ter
durabilidade”.

        – Os moradores têm direito, e merecem uma obra bem-feita. Há
mais de uma década, a pavimentação do bairro era reivindicada e aguardada pela
comunidade. A nossa administração, portanto, está colocando em prática um
pleito primordial ao bem-estar das famílias ali residentes. Fizemos
inicialmente a infraestrutura necessária e agora estamos colocando o asfalto.
Mas as obras não param por aí. Posteriormente, vamos fazer as calçadas e
melhorar o sistema de iluminação pública – disse o prefeito.

        Bruno de Souza enfatizou também que o asfaltamento desta
comunidade foi possível graças aos recursos financeiros provenientes dos
impostos e taxas municipais pagos pelos próprios moradores de Quatis, “daí a
importância de o cidadão estar em dia com o recolhimento destes valores aos
cofres da prefeitura”. Entre outros impostos e taxas que geram receitas
próprias para o Município, estão os seguintes: IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), ISSQN (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza), TSU (Taxa de Serviços Urbanos), ITBI (Imposto Sobre Transmissão de Bens
Imóveis), além das contas de água e esgoto.

        – Os recursos que entram nos cofres da prefeitura através do
pagamento dos impostos por parte dos contribuintes, voltam para os próprios
moradores, mediante a realização de obras e serviços a favor da nossa
população. Graças a arrecadação própria, cuja receita é formada pelos impostos
e taxas municipais, a nossa administração vem realizando um volume
significativo de obras e serviços, especialmente na área da infraestrutura. O
asfaltamento do Loteamento Céu Azul é uma destas obras – concluiu Bruno de
Souza.

 

Leave A Comment

Skip to content