• Brasão Prefeitura de Quatis
  • Prefeitura
    de Quatis
  • Rua Ana Ferreira de Oliveira, N° 47, Bondarowsky

  • Atendimento:
    08:00 às 17:00

  • Telefone:
    (24) 3353-2918

Menu Principal

Notícias

Prevenção: professores e monitores de creches participam de formação sobre primeiros socorros

Por em 09/07/2019

Quarenta profissionais de educação, entre professores e monitores lotados nas duas creches municipais, participaram recentemente, no auditório do Centro Administrativo da Prefeitura de Quatis, do curso sobre primeiros socorros ministrados por funcionários do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). A capacitação (foto) foi promovida através de uma ação conjunta entre as secretarias municipais de Saúde e de Educação, via PSE (Programa Saúde na Escola).

        As duas creches administradas pela prefeitura se localizam na área urbana da cidade. São elas: Creche professora Conceição Vieira (bairro Jardim Pollastri) e Creche professora Adriana de Souza (Loteamento Santa Bárbara). A coordenadora do Programa Saúde na Escola do Município, Anne Kallin, destacou que a iniciativa teve como objetivo preparar os profissionais destas duas unidades escolares para saber como atuar no caso de possíveis acidentes envolvendo crianças, no âmbito escolar.  

Um levantamento da Organização Governamental Criança Segura, divulgado há cerca de quatro anos, já apontava os riscos iminentes de acidentes com crianças de zero a 14 anos. No ano de 2014, de acordo com a pesquisa, 122 mil internações foram registradas em todo o Brasil de meninas e meninos nesta faixa etária, vítimas de acidentes provenientes de quedas, queimaduras e cortes causados por ferramentas e outros objetos cortantes.

Já no ano passado, o Governo Federal sancionou a lei número 13.722/2018, que tornou obrigatória a capacitação de profissionais da educação infantil e da educação básica visando à prestação dos primeiros socorros em casos de acidentes na escola ou creche. Esta lei ficou conhecida como “Lei Lucas” em razão de um acidente sofrido pelo menino Lucas Begalli Zamora, de dez anos, que morreu após ter engasgado durante um passeio escolar, na cidade paulista de Campinas.

- A formação oferecida aos profissionais das duas creches de Quatis fez parte das ações de prevenção realizadas pela prefeitura, por meio do Programa Saúde na Escola, cuja proposta básica é promover a formação integral de estudantes, professores, demais profissionais da educação pública e a comunidade escolar, mediante a realização de ações preventivas e de atenção na área da saúde – declarou Anne Kallin, destacando a importância dos primeiros socorros, mesmo que posteriormente as crianças acidentadas precisem ser levadas ao pronto-socorro mais próximo.

        Segundo a legislação federal, que instituiu o Programa Saúde na Escola há 12 anos, entre as atribuições principais do programa  estão as seguintes: avaliação das condições de saúde das crianças, adolescentes e jovens que estão na escola pública; promoção da saúde e de atividades de prevenção;
educação permanente e capacitação dos profissionais da educação e da saúde de Jovens; monitoramento e avaliação da saúde dos estudantes, além do  monitoramento e avaliação do programa.

O “Saúde na Escola” é realizado através de uma parceria entre o Governo Federal e as prefeituras. No primeiro semestre deste ano, a prefeitura realizou ações de prevenção contra dengue em escolas municipais de Quatis, dentro das atividades relacionadas a este programa. A coordenação do curso sobre primeiros socorros ministrados este mês em Quatis esteve a cargo do coordenador regional do SAMU na região do Médio Paraíba, José Luís da Silva.