Limpeza do Ribeirão dos Quatis será concluída na segunda quinzena deste mês

       Realizada através de uma parceria da prefeitura com o Governo do Estado
do Rio de Janeiro, via o Programa Limpa
Rio
, a limpeza do Ribeirão dos Quatis (foto) vai estar concluída na segunda
quinzena de julho. A informação foi dada pelo prefeito Bruno de Souza (PMDB),
que acompanhou pessoalmente, nesta semana, a retirada de lixo e entulho do
manancial.

O Programa
Limpa Rio
é desenvolvido pelo INEA (Instituto estadual do Ambiente). Já o
Ribeirão de Quatis passa por cinco bairros da área central do Município,
totalizando uma extensão superior a três quilômetros. Todo o trabalho está
sendo supervisionado pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente.

        Bruno lembrou ainda que o
trecho cortado pelo Ribeirão dos Quatis faz parte de uma área de proteção
permanente, motivo pelo qual a limpeza está sendo feita pela segunda vez em
menos de quatro anos, sob a coordenação do INEA. Na primeira gestão do
prefeito, exercida de 2013 a 2016, o manancial também foi beneficiado com a
retirada de resíduos. Ele destaca a importância do serviço visando à
preservação do meio ambiente e para diminuir os riscos de transbordamentos
durante a época das chuvas fortes:

        – A limpeza está retirando
os resíduos acumulados no leito do ribeirão e às suas margens, principalmente
areia, lixo, lama e outros tipos de entulho. Dessa maneira, está sendo
percorrido um passo importante para reduzir a possibilidades de transtornos no
período das chuvas. Além disso, o trabalho em andamento evita a proliferação de
animais roedores, insetos e animais peçonhentos, ajudando a evitar doenças.
Trata-se também, portanto, de uma medida preventiva na área da saúde pública –
disse Bruno.

        O prefeito lembrou ainda que
na parceria em andamento da prefeitura com o Governo do Estado, o INEA destinou
duas máquinas para a realização dos trabalhos na cidade, sendo que uma delas
foi utilizada na limpeza das represas dos Limas e do Lavapés.

Já o outro equipamento está sendo usado na
retirada de resíduos do Ribeirão dos Quatis, cujo trecho começa na Barrinha,
próximo à entrada da cidade, onde o manancial se encontra com o Rio Paraíba do
Sul, e termina nas imediações das instalações da antiga cooperativa
agropecuária do Município, passando também pelos bairros Mirandópolis, Pilotos,
Biquinha, Centro e São Benedito, alcançando ainda trechos dos bairros Santo
Antônio de Jardim Independência.

Segundo Bruno de Souza, “o trabalho de mãos
dadas entre as autoridades públicas foi fundamental para que a prefeitura
conseguisse a liberação das duas máquinas pelo INEA”. No ano passado, através
de um ofício enviado ao Governo do Estado do Rio de Janeiro, o prefeito havia
solicitado a cessão dos equipamentos. Mas ele reafirmou o agradecimento aos
vereadores Edmilson do Forte (PMDB), Vitinho (PROS) e Fernando Maninho (PTdoB);
aos deputados estaduais Ana Paula Rechuan (PMDB) e André Correa (DEM),
secretário estadual do Ambiente até o ano passado; e ao governador Luiz Fernando
Pezão (PMDB), frisando que “o trabalho de todos foi decisivo”.

– Essas autoridades tiveram um papel muito
importante no sentido de que o Município de Quatis recebesse as máquinas e
tivesse condições de realizar a limpeza do Ribeirão dos Quatis, da Represa dos
Limas e da Represa do Lavapés. O trabalho de mãos dadas entre as pessoas que
são constituídas autoridades públicas pelo próprio povo já trouxe e com certeza
continuará trazendo obras e serviços fundamentais ao dia a dia da nossa
população – concluiu o prefeito, acrescentando que, até abril deste ano, o Programa Limpa Rio havia atendido 556
rios, córregos, ribeirões e lagos de 72 cidades fluminenses. 

Comentários do Facebook

Leave A Comment

Skip to content