Candidatos para eleição do conselho tutelar já podem pedir votos

Uma reunião realizada na
manhã desta segunda-feira (foto), 19 de agosto, coordenada pelo CMDCA (Conselho
Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente), marcou oficialmente a
entrega do material de propaganda aos 17 candidatos que vão concorrer à eleição
do conselho tutelar de Quatis. O encontro aconteceu no Centro Administrativo do
Município, e a eleição direta vai ser realizada no dia 06 de outubro, quando
serão escolhidos cinco conselheiros tutelares titulares e cinco conselheiros
tutelares suplentes para o mandato 2020-2023.

 Com a entrega do material de campanha, os
candidatos estão autorizados a iniciar a campanha em busca de votos junto aos
eleitores cadastrados em Quatis. A propaganda poderá ser realizada até o dia 03
de outubro.        O material de campanha
distribuído nesta segunda-feira é uniforme, ou seja, um folheto padrão com os
nomes, números e fotografias de cada um dos concorrentes. O edital da eleição
destaca que a propaganda só pode ser realizada com este material, estando
proibido o uso de qualquer outro tipo de peça de divulgação.

No
dia da eleição, que acontecerá de 8 às 17 horas, em quatro escolas municipais,
os eleitores poderão votar em apenas um dos 17 postulantes que tiveram as suas
respectivas candidaturas aprovadas pela comissão organizadora do pleito, cuja
coordenadora é a presidente da CMDCA, assistente social Flávia Paiva. O
Conselho da Criança e do Adolescente organiza a eleição, sob a fiscalização do
Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro.

        As seções eleitorais para a escolha dos novos conselheiros
tutelares de Quatis foram agrupadas e funcionarão nos seguintes locais: Escola Municipal Maria Helena Rafael De
Elias – Centro
(seções números 73, 74, 75, 76, 77, 78, 79, 80, 81, 82, 83,
84, 85, 86, 87, 88, 89, 90, 91, 133, 139, 149 e 154); CIEP Marciana Machado De Elias, no bairro Nossa Senhora do Rosário
(seções números 96, 123, 125, 136, 146 e 153); Escola Municipal Anésia Alves de Oliveira – distrito de São Joaquim
(seções números 92 e 93); e Escola
Municipal Carlos Campos de Faria – distrito de Falcão
(seções 94 e 95).

        – No dia da eleição, o eleitor deverá apresentar o título de
eleitor e um documento de identidade com fotografia para poder votar em um dos
candidatos inscritos – disse a presidente do Conselho dos Direitos da Criança e
do Adolescente do Município, acrescentando que a votação será manual e a
contagem dos votos se iniciará logo após o horário da eleição, na Escola
Municipal Maria Helena Rafael De Elias, para onde todas as urnas vão ser
levadas depois do encerramento do pleito.

        Disputarão as dez vagas da nova composição do Conselho
Tutelar de Quatis (cinco titulares e cinco suplentes) os seguintes candidatos: Rosa Maria Fonseca Oliveira (número
11); Edlena Santos Catete (número
12); Francisca Josilene da Silva
(número 13); Aline das Graças Nogueira
(número 14); Ana Paula Eduardo
(número 15); Ana Cláudia Ferreira de
Souza
(número 16); Maria da
Conceição Braga Duarte de Vargas
(número 17); Marcela Cambraia Gomes (número 18); Graciela Aparecida dos Santos (número 19); Hediney Aparecida Gonçalves da Costa (número 20); Dary Tarcísio de Lima (número 21); Vanderléia da Silva Santos (número 22);
Lúcia Helena Silva Canil (número
23); Jaine de Souza Araújo (número
24); Camila Rodrigues Corradi de Menezes
(número 25); Roseli da Silva Guedes
(número 27) e Jorcelaine Rodrigues dos
Santos Silva
(número 28).

        – A legislação estabelece que, quando estiver efetivamente
atuando no cargo, o conselheiro tutelar receberá um vencimento mensal no valor
de um salário mínimo vigente do país, e terá direito ao pagamento do
décimo-terceiro e das férias proporcionais – concluiu Flávia Paiva.

       

 

Leave A Comment

Skip to content