Agentes do grupamento ambiental participam de curso sobre prevenção e combate a incêndios

        Três agentes do grupamento ambiental da Guarda Municipal, cuja
formação teve início efetivamente a partir de dezembro do ano passado, através
de um processo de seleção realizado pela Prefeitura de Quatis, participaram, na
semana passada, de um curso sobre prevenção e combate a incêndios, promovido no
Parque Nacional do Itatiaia. O curso foi ministrado pelo Instituto Chico Mendes
de Conservação de Biodiversidade, autarquia subordinada ao Ministério do Meio
Ambiente.

        Participaram
do curso as agentes nomeadas do grupamento ambiental de Quatis Júlia Maria
Silva Maia, Juliana dos Santos Souza e Helen Farias da Silva. Em breve, as três
vão repassar os ensinamentos obtidos no curso para os outros 17 guardas
municipais que foram classificados no processo de seleção para o grupamento
ambiental. Atualmente, o grupamento ambiental é formado por seis agentes, mas
este número poderá ser ampliado, mediante a disponibilidade financeira da
prefeitura e a demanda de serviços no setor.

        Quatro
unidades de conservação ambiental se localizam no território de Quatis. São
elas: Área de Proteção Carapiá, Parque Natural Municipal Horto dos Quatis,
Refúgio da Vida Silvestre (as três situadas na área urbana) e Parque Natural
Municipal Ribeirão de São Joaquim, localizada na zona urbana. O curso capacitou
os guardas ambientais para as ações de prevenção e combate a incêndios não só
em unidades de conservação, mas também em áreas verdes.

        Durante
a formação ocorrida na semana passada, as três representantes do grupamento
ambiental da Guarda Municipal de Quatis receberam ensinamentos sobre os módulos
de “planejamento e manutenção de trilhas”, “manutenção e manuseio de
ferramentas e equipamentos”, além de “comportamento do fogo”, entre outros
itens. Criado em 2007, o Instituto Chico Mendes integra o Sistema Nacional do
Meio Ambiente, tendo, entre suas atribuições, “propor, implantar, gerir,
proteger, fiscalizar e monitorar as unidades de conservação federais”.

Para a secretária de Meio
Ambiente do Município, bióloga Edna Azevedo, “o aprendizado proporcionado ao grupamento
ambiental pelo Instituto Chico Mendes de Conservação de Biodiversidade vai
enriquecer ainda mais o conhecimento dos agentes na prevenção contra possíveis
episódios de fogo na mata em Quatis”.

        – Os
episódios de fogo na mata costumam ocorrer com mais intensidade na época da
estiagem, trazendo prejuízos à preservação do meio ambiente e acarretando
riscos à saúde da população, entre outras consequências. Com a capacitação
proporcionada aos agentes do grupamento ambiental sobre prevenção e combate a
incêndios, o grupamento ambiental da nossa cidade aprimora seus conhecimentos
para enfrentar a possível ocorrência de episódios desta natureza – declarou a
secretária.

        Edna
Azevedo lembrou que, em 2017, por exemplo, a Prefeitura de Quatis enfrentou
pelo menos quatro episódios de fogo na mata, registrados nas regiões do
Glicério e do Loteamento Bela Vista; às margens da Rodovia RJ-159, no trecho
entre o Bairro Pilotos e o distrito de Falcão; e na estrada que liga a área
urbana ao distrito de São Joaquim, próximo aos antigos galpões da CBPO
(Companhia Brasileira de Projetos e Obras).

         Desde dezembro passado, quando ocorreu a
nomeação dos seis primeiros guardas municipais, a Prefeitura de Quatis já
promoveu duas capacitações destinadas ao grupamento ambiental, a primeira delas
sobre o tema “animais peçonhentos” e a outra a respeito da legislação
relacionada a conhecimentos básicos sobre microempresas e emissão de alvarás no
âmbito municipal. A Secretaria de Meio Ambiente do Município reafirma que o
programação de capacitação do grupamento ambiental vai ser permanente e outros
cursos serão realizados ainda este ano.

 

       

       

 

       

 

Leave A Comment

Skip to content